Sexta, 16 de Abril de 2021 08:44
(99) 991612367
Anúncio
Cidades Novo Corona Virus

Imperatriz registra 41 mortes em fevereiro e número real pode ser maior

Com a demora nos resultados de exames laboratoriais e repasse de informações à Central de Notificações, os dados ainda podem ser atualizados com novos registros.

03/03/2021 13h42
16.128
Por: Kennedy Rocha Fonte: Redação
Imperatriz registra 41 mortes em fevereiro e número real pode ser maior

O município não registrava um índice tão alto de casos ativos do novo coronavírus (Covid-19) desde setembro do ano passado. Atualmente 354 pessoas estão sendo monitoradas pela Secretaria Municipal de Saúde e são consideradas potenciais transmissores da doença.

De acordo com um levantamento feito pela Divisão de Vigilância em Saúde por trimestre, os meses de setembro, outubro e novembro apresentaram uma curva decrescente, de 1.041, 872 e 297 diagnósticos do novo coronavírus, respectivamente, e a partir de dezembro a cidade teve uma elevação considerável de novos registros, com365 notificações no mês de dezembro, 782 em janeiro e 956 em fevereiro. Vale destacar que o mês de fevereiro teve apenas 28 dias e a conta pode ainda não ter fechado com a demora nos resultados de exames laboratoriais e repasse de informações à Central de Notificações. O que também deve alterar os dados dos óbitos, especialmente no último mês, com a constante atualização dos registros.

O número de mortes no último trimestre passou de 5 para 14 e, por último, 41 óbitos registrados em Imperatriz no mês de fevereiro.

“A evolução da doença depende muito do comportamento da população. Quanto mais adotamos medidas preventivas, mais os números reduzirão. A pandemia ainda não acabou. É fundamental que a população respeite as medidas divulgadas pelos órgãos de saúde, siga os decretos e use máscara sempre, para evitar o surgimento de novos casos e a sobrecarga das unidades de saúde”, disse o secretário de governo Eduardo Soares.
O prefeito de Imperatriz, Assis Ramos, deve traçar novas ações ou decretar novas medidas restritivas após a reunião com o governador Flávio Dino, em São Luís, para avaliação da crise do coronavírus no fim da tarde de segunda-feira (01).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio